Planejar espaços para o design de interiores

Um livro de Ian Higgins

Fora de estoque

Avisar quando estiver disponível:
E-mail:
R$149,00

Este guia prático e inspirador para a organização e o planejamento dos espaços internos está repleto de fotografias, diagramas, maquetes, estudos de caso e instruções passo a passo, oferecendo informações úteis sobre:

- As diferentes maneiras de começar o desenvolvimento de um projeto de design;
- A análise das edificações existentes;
- Como transformar um programa de necessidades em uma proposta por meio do uso de diagramas de planejamento;
- O desenvolvimento de composições espaciais tridimensionais;
- O projeto mediante o uso de cortes;
- A representação de suas ideias de design por meio de croquis, desenhos e maquetes.

Descrição técnica do livro:

21.6 x 28 cm
192 páginas
Português
ISBN/EAN: 9788584520084
Brochura
2012
Descrição
Descrição

Detalhes

Este guia prático e inspirador para a organização e o planejamento dos espaços internos está repleto de fotografias, diagramas, maquetes, estudos de caso e instruções passo a passo, oferecendo informações úteis sobre:

- As diferentes maneiras de começar o desenvolvimento de um projeto de design;
- A análise das edificações existentes;
- Como transformar um programa de necessidades em uma proposta por meio do uso de diagramas de planejamento;
- O desenvolvimento de composições espaciais tridimensionais;
- O projeto mediante o uso de cortes;
- A representação de suas ideias de design por meio de croquis, desenhos e maquetes.

Ian Higgins é professor sênior do programa de Mestrado em Artes de Design de Interiores do Royal College of Art, Londres. Antes disso, lecionou na Universidade de Nottingham Trent e na Universidade de Kingston. O professor Higgins já ministrou palestras, lecionou, avaliou e prestou consultorias sobre o ensino de design de interiores em instituições da China, do Japão, da Malásia e da África do Sul. Também já foi presidente da organização Interior Educators UK.

Índice
Índice

Sumário

Introdução
O que é o design de interiores?
O modernismo e a planta livre
Apresentação deste livro

Capítulo 1 Pontos de partida
Capítulo 2 O uso dos estudos de precedentes
Capítulo 3 O desenvolvimento de ideias conceituais
Capítulo 4 Estratégias de planejamento
Capítulo 5  Do programa de necessidades à proposta
Capítulo 6 O impacto da edificação existente
Capítulo 7 O desenvolvimento de composições espaciais tridimensionais
Capítulo 8 O projeto com o uso de cortes
Capítulo 9 A representação das organizações espaciais
Capítulo 10 E agora?

Glossário
Leitura recomendada
Índice
Créditos das ilustrações
Agradecimentos do autor

Leia um trecho
Leia um trecho

Trecho da introdução

Apresentação deste livro

Os dez capítulos que seguem têm como objetivo simplificar os complexos problemas do planejamento e da organização dos espaços internos por meio da introdução das questões-chave que devem ser consideradas pelos designers de interiores durante o processo de projeto.

Capítulo 1: Pontos de partida estabelece como, ao organizar as estratégias para os projetos de interiores, o designer de interiores contemporâneo pode começar com uma variedade de preocupações distintas, como as características do local que serão aproveitadas no projeto, a função do interior proposto ou o etos do cliente.

Capítulo 2: O uso dos estudos de precedentes enfatiza a importância de aprender com exemplos da boa prática anterior que possam inspirar as futuras propostas de projeto.

Capítulo 3: O desenvolvimento de ideias conceituais mostra como as decisões de projeto podem ser determinadas por uma direção conceitual clara e poderosa que consiga estabelecer a forma do interior e, ao mesmo tempo, uma narrativa que prenda o interesse do usuário.

Capítulo 4: Estratégias de planejamento introduz as abordagens ao desenvolvimento do planejamento de espaços internos. Neste capítulo, são identificadas e explicadas as estratégias espaciais, relações espaciais e estratégias de circulação, sempre com o auxílio de estudos de caso apropriados.

Capítulo 5: Do programa de necessidades à proposta estabelece métodos de como transformar as necessidades do cliente em uma organização de espaços apropriados que concilie as exigências funcionais do programa com a forma da edificação na qual o interior proposto será acomodada.

Capítulo 6: O impacto da edificação existente demonstra como a natureza da edificação pode ser um dos principais fatores na determinação da estratégia adotada para o estabelecimento do novo interior. São descritas, em linhas gerais, estratégias para a análise de edificações, bem como são explicadas abordagens à introdução de novos elementos nos espaços.

Capítulo 7: O desenvolvimento de composições espaciais tridimensionais demonstra maneiras pelas quais é possível desenvolver uma enorme variedade de formas tridimensionais a partir de determinado diagrama de planejamento. Também são explicadas estratégias para a criação de maquetes, ilustrando como uma única planta baixa pode levar a muitas composições espaciais contrastantes.

Capítulo 8: O projeto com o uso de cortes enfatiza a importância do corte de um interior como aspecto crucial para seu projeto. Este capítulo trata de como a forma vertical de uma edificação existente pode ser analisada, entendida e utilizada, bem como das oportunidades para o desenvolvimento da forma em corte do novo interior.

Capítulo 9: A representação das organizações espaciais ilustra as maneiras como os designers de interiores empregam uma variedade de métodos para discutir questões espaciais complexas com seus colegas, clientes e membros da equipe de projeto. Também são abordados os tipos de desenho diagramáticos, ortográficos e à mão livre, bem como as maquetes.

Capítulo 10: E agora? discute as etapas seguintes do processo do projeto uma vez estabelecida sua composição espacial.  O capítulo descreve com mais detalhes o processo de desenvolvimento do projeto a fim de satisfazer as necessidades funcionais exatas, levando à etapa de detalhamento do interior e, por fim, à execução da obra. [...]

Copyright dos textos: os autores
Copyright da presente ediçao: Editorial Gustavo Gili SL

O que a imprensa disse
O que a imprensa disse

Planejar espaços para o design de interiores

(Fernanda Knopik, Arquidicas, 12/14)

Ler mais

«O livro te faz refletir sobre os aspectos funcionais dos espaços, como se dão as relações espaciais, as conexões dos ambientes.» (Fernanda Knopik, Arquidicas, 12/14)

Planejar espaços para o design de interiores

(Elenara Leitão, Arquitentando Ideias, 04/16)

Ler mais

«É um guia prático de como elaborar projetos de interiores que pode ser útil para quem está estudando.Traz uma farta ilustração com fotos, roteiros e desenhos que nos mostra o quão elaborado é o trabalho de quem lida com espaços. »(Elenara Leitão, Arquitentando Ideias, 04/16)

Resenhas de Cliente

Dê-nos sua opinião

Escrever sua própria revisão

Você está revisando: Planejar espaços para o design de interiores

Como você avalia este produto? *

Tatiana
Facilidade
O livro aborda termos como conceito e programa de necessidades que são importantes para a construção dos espaços e para compreender melhor os clientes e atender suas expectativas através dos projetos. As ilustrações acompanham a didática, o que o torna de fácil compreensão. Indicado principalmente aos iniciantes de design e arquitetura de interiores