BRASIL · Parcele suas compras em até 3 x sem juros com o Paypal, parcelas mínimas de R$ 50,00

Indicação do parceiro: Visuarea sobre o livro Os segredos de ouro do Lettering

Por João Taboada- Os segredos de ouro do lettering é aquele tipo de livro que faz a gente se perguntar: “Ué, mas existe livro sobre isso?”. Sim, existe e é uma das mais novas publicações da Editora G. Gili Brasil.

A brochura, que fala sobre esta arte inevitavelmente tão utilizada antes da invenção do computador, veio para tirar as dúvidas de quem tinha curiosidade mas não tinha como se instruir e, ainda, enriquecer o conhecimento de quem já tem experiência e, por ventura, ganha a vida com isso.

Com o surgimento dos PC’s (os computadores pessoais) ficou relativamente fácil se trabalhar com tipografias prontas. Bastava a gente digitar que a máquina escrevia para nós na fonte selecionada. Esta facilidade, com o passar do tempo, acabou por gerar uma repetição nos trabalhos comerciais de comunicação o que, por sua vez, ocasionou o surgimento de sites com novas propostas de fontes que passaram a abrilhantar muito mais nossos trabalhos.

Enquanto que Tipografia, grosso modo, é a criação de alfabetos de tipos singulares para uso comercial, o Lettering (cuja tradução seria algo como “letramento”) está mais relacionado à criação de um letreiro para uma aplicação específica. Esta atividade, que se situa entre a tipografia e a caligrafia, entrou em voga novamente por conseguir trazer para o público consumidor este lado mais humanizado e original, que se perdeu um pouco com a tipografia digital, em que as letras, escolhidas no PC, são todas perfeitas e todo mundo usa.

Os segredos de ouro do lettering, ao contrário, busca trazer em todo o seu decorrer (o que inclui a sua concepção estética), a ideia do hand made, das coisas feitas à mão. A autora do livro, Martina Flor, que também é designer e tipógrafa, fez questão de ilustrá-lo todo manualmente, além de criar as introduções de cada capítulo com um lettering diferente e de escrever dicas e explicações com sua própria caligrafia. Essa preocupação acabou por conferir ao livro um aspecto muito particular, com um caráter meio rústico e uma diagramação aprazivelmente livre.

A publicação, contudo, não é ilustrada apenas com as amostras de letras desenvolvidas pela autora. Exemplos de fachadas de loja, embalagens e manuscritos de outros autores também constam e enriquecem o material, além de informações específicas sobre tipografia e assuntos como separação de letras, tipos de serifa, ajuste ótico, peso e contraste, tipos de fontes, etc. Como se não bastasse, nos capítulos 7 e 8 (Esboçando Letras e Do Analógico ao Digital, respectivamente) constam dicas e tutoriais mostrando o processo de construção de letras - manualmente e em computador -, além de informações sobre os materiais necessários para sua realização.

 

Conclusão

Os segredos de ouro do lettering é uma obra que chegou para preencher a lacuna que existia na área de publicações em língua portuguesa sobre a criação de letreiros. A despeito de abordar sobre letras, é um livro super visual, inclusive porque a ideia do lettering é tratar os textos em seu aspecto artístico, em sua estética - que, neste caso, é onde reside boa parte de seu poder de comunicação -, o que torna a leitura do livro agradável, fluida e bastante descontraída. Letteringé uma atividade que, além de possibilitar a realização de trabalhos pessoais muito elegantes, tem tudo para crescer comercialmente. Se você se interessou, visite o site da autora e conheça melhor o livro através dos links e das imagens abaixo.